sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Ore pelo Brasil

(clique para ampliar)

Programe-se

(clique para ampliar)

Pense Nisso

(clique para ampliar)

"Porque vivemos pela fé e não pelo que vemos!"

A Criação em Teu Louvor - Samuel Mizrahy


Fogo e Chuva

…um trono surgirá em benignidade, e sobre ele […] se assentará […] um que julgue, busque o juízo e não tarde em fazer justiça. —Isaías 16:5

Quando um incêndio se alastrou pelos belos cânions no Colorado, EUA, destruiu o habitat de todos os tipos de vida selvagem e de milhares de lares. Pessoas ao redor do país clamaram a Deus, pedindo a Ele que enviasse chuva para apagar as chamas, dar fim à destruição e descanso aos bombeiros. As orações de algumas pessoas tinham uma condição interessante. Elas pediram a Deus para demonstrar misericórdia e enviar chuva sem raios, que poderiam causar mais incêndios.

Isto me lembra do quanto vivemos em tensão entre as coisas que nos salvam e nos matam. Com o fogo, cozinhamos o nosso alimento e nos mantemos aquecidos, mas ele pode nos consumir. Com a água, podemos nos manter hidratados e o nosso planeta resfriado, mas ela pode nos derrubar. Muito ou pouco de cada um é uma ameaça à vida.

Vemos o mesmo princípio na vida espiritual. Para prosperar, as civilizações precisam das qualidades aparentemente opostas da misericórdia e justiça (Zacarias 7:9). Jesus repreendeu os fariseus por defenderem a lei, mas negligenciarem os “…preceitos mais importantes da lei…” (Mateus 23:23).

Nós podemos tender à justiça ou misericórdia, mas Jesus as mantém em perfeito equilíbrio (Isaías 16:5; 42:1-4). A Sua morte satisfez a necessidade de Deus por justiça e a nossa necessidade por misericórdia.


A justiça e misericórdia de Deus se encontram na cruz.

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Pense Nisso

(clique para ampliar)

A Caridade - Raiz Coral


O padrão da sabedoria

Pois em ti, Senhor, espero; pois tu me atenderás, Senhor meu Deus. —Salmo 38:15

Albert Einstein disse: “Apenas duas coisas são infinitas, o universo e a estupidez humana, e eu não tenho certeza sobre o primeiro.” Infelizmente, parece que muito frequentemente não há limites para a tolice na qual nos envolvemos — ou os danos que criamos com as nossas tolices e as escolhas que elas promovem.

Foi numa fase assim de arrependimento que Davi derramou a sua luta e queixas a Deus no Salmo 38. Ao se deparar com os seus próprios fracassos, o rei-pastor fez um comentário perspicaz: “Tornam-se infectas e purulentas as minhas chagas, por causa da minha loucura” (v.5). Ainda que o salmista não nos dê os detalhes daquelas escolhas ou da piora de suas feridas, algo é certo: Davi reconheceu sua própria loucura e a sua causa.

A resposta para esta tolice destrutiva é aceitar a sabedoria de Deus. O livro de Provérbios 9:10 nos lembra: “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo é prudência.” Apenas se permitirmos Deus nos transformar, poderemos superar as decisões tolas que geram tantos problemas. Com a Sua orientação amorosa, podemos seguir o padrão da sabedoria divina


A sabedoria de Deus é dada àqueles que humildemente lhe pedem.

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Pense Nisso

(clique para ampliar)

"Ele é meu forte refúgio e me protege aonde quer que eu vá!"

Me apaixonar - Nívea Soares


Insignificante

…veio a palavra de Deus a João, filho de Zacarias, no deserto. —Lucas 3:2

Os mobilizadores e estimuladores são pessoas que estão subindo a ladeira da influência e sucesso. O livro de Lucas menciona sete líderes proeminentes que exerceram controle na sociedade da sua época. O Imperador Romano Tibério César teve em suas mãos o poder da vida e da morte de pessoas em seu vasto império. Pôncio Pilatos representou Roma como governador da Judeia; enquanto Herodes, Filipe e Lisânias controlaram as pessoas, em âmbito regional. Anás e Caifás foram sumo sacerdotes, levando sua autoridade espiritual muito a sério.

Enquanto estes poderosos tinham as suas estratégias políticas, “…veio a palavra de Deus a João, filho de Zacarias, no deserto” (v.2). Quem poderia ser menos importante do que este homem misterioso que vivia no deserto e ouvia a voz de Deus? O que João Batista conquistaria “…pregando batismo de arrependimento para remissão de pecados”? (v.3). Ainda assim, multidões vieram a João em busca da verdade, afastando-se de seus erros e questionando se ele poderia ser o Messias (vv.7-15). João lhes disse: “…mas vem o que é mais poderoso que eu […] ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo” (v.16).

A vida de João nos ajuda a compreender o que significa ser importante aos olhos de Deus. Assim como João, que todas as nossas palavras e ações levem outros a Jesus.


A nossa entrega a Deus precede o Seu importante trabalho em nossa vida. 

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Pequeno Grupo

(clique para ampliar)

Excepcionalmente hoje, 24/09/2013, nosso pequeno grupo acontecerá no tempo da Igreja. Durante toda essa semana estamos orando por missões mundiais. Participe você também.  

Pense Nisso

(clique para ampliar)

"Vocês são o sal para a humanidade; mas, se o sal perde o gosto, deixa de ser sal e não serve para mais nada. É jogado fora e pisado pelas pessoas que passam. Vocês são a luz para o mundo. Não se pode esconder. não se pode esconder uma cidade construída sobre o monte." 

Tempo para Amar - Thiago Grulha


Um amigo em necessidade

Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas de fato e de verdade. —1 João 3:18

Há pouco tempo, minha esposa Janet e eu compramos uma quantidade de carne de um amigo que cria gado numa pequena fazenda. Era mais barata do que a carne do mercado, e a guardamos no freezer para usarmos nos meses seguintes.

Então, uma tempestade de raios cortou a energia em nossa região. Nas primeiras 24 horas, sabíamos que o freezer manteria a carne congelada. Mas no segundo dia, ainda sem luz, começamos a nos preocupar.

Ligamos para um participante do nosso grupo de estudo bíblico para nos ajudar. Ele cancelou o seu compromisso e apareceu em nossa porta com um gerador para prover energia ao freezer. Ficamos gratos por ele ter nos ajudado e sabíamos que era por causa do amor de Cristo.

O ditado “o amigo na necessidade é amigo de verdade” teve um novo significado para nós. O apóstolo João nos lembra: “Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas de fato e de verdade (1 João 3:18). Às vezes, isso significa nos incomodarmos para cuidar dos interesses dos outros ou receber essa ajuda quando necessitamos. Afinal de contas, Cristo fez isso por nós; é uma bênção ser as Suas mãos e pés em amor uns aos outros.


Quando amamos Jesus, amamos aos outros.

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Fale com Deus ao meio dia

(clique para ampliar)

O propósito continua. Nesta semana estamos lendo o livro de Gálatas. Cada dia um capítulo. Participe você também!

Participe

(clique para ampliar)

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Dono dos Meus Dias - Daniela Araujo

Tempos difíceis

O que habita no esconderijo do Altíssimo e descansa à sombra do Onipotente. —Salmo 91:1

Algumas crianças adoram vangloriar-se de seus pais. Se você ouvir às escondidas conversas na vizinhança, vai ouvir uma criança dizendo: “Meu pai é maior que o seu!” ou “O meu pai é mais inteligente do que o seu pai!”. Essa exibição, frequentemente, está relacionada ao aviso de que se as crianças o estão ameaçando, é melhor tomarem cuidado porque o seu pai pode vir e derrubar todas elas, inclusive os pais delas!

Acreditar que o seu pai é o mais forte do quarteirão é muito inspirador diante do perigo. É por isto que eu amo o fato de o nosso Deus ser Todo-Poderoso. Isso significa que ninguém está à altura da Sua força e poder. Ainda melhor, significa que você e eu descansamos “…à sombra do Onipotente” (Salmo 91:1). Assim, não é de se admirar que o salmista possa confiadamente dizer que ele não temerá “…o terror noturno, nem da seta que voa de dia” (v.5).

Indiferente do que o hoje possa trazer ou do problema que você esteja enfrentando, não esqueça que o seu Deus é mais forte do que qualquer coisa em sua vida. Por isso, confie! A sombra da Sua onipresença garante que o Seu poder pode transformar até mesmo a pior situação em algo bom.


Deus é maior do que o nosso maior problema.

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Bem Vindo!

(clique para ampliar)

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Quando o mundo cai ao meu redor - Livres


Um lugar difícil

 
…De maneira alguma te deixarei, nunca jamais te abandonarei. —Hebreus 13:5
Quando uma mudança repentina na tecnologia tornou o seu trabalho obsoleto, um cientista altamente treinado foi trabalhar num restaurante de fast-food. Certa noite, após o nosso estudo bíblico, ele descreveu sua situação como difícil e humilhante. Ele disse: “Algo bom que eu posso falar é que os jovens de lá parecem interessados em minha fé.” Alguém do grupo respondeu: “Eu o admiro por ser humilde. Sei que a sua fé tem algo a ver com isso.”
Assim como o meu conhecido, Filipe pode ter imaginado por que Deus o tiraria de Samaria (Atos 8:4-8) e o colocaria no meio do deserto (v.26). Mas em seguida, ele descobriu que um etíope precisava de ajuda para compreender as Escrituras (vv.27-35), e o seu lugar fez sentido.
Quando Jesus prometeu que jamais nos abandonaria (Mateus 28:20; Hebreus 13:5), Ele quis dizer nos momentos difíceis e também nos bons. A nossa missão nas fases difíceis da vida é trabalhar ou servir, lembrando que fazemos para o Senhor, e em seguida observar enquanto Deus trabalha para concretizar Seus propósitos.
Olhe para Deus em seu lugar difícil e descubra o que Ele está fazendo em você e por seu intermédio neste local.

O que é melhor do que sermos respondidos? Confiar no bom Deus que tem os Seus motivos.

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Dedique-se

(clique para ampliar)

Pense Nisso

(clique para ampliar)

You Are For Me - Gateway Worship


Hora de mudar

…ali edificou um altar ao Senhor e invocou o nome do Senhor. —Gênesis 12:8

Muitos cristãos desejam investir tempo diário com Deus, orando e lendo a Sua Palavra. Ironicamente, eles, com frequência, se distraem com uma agenda lotada. As frustrações aumentam à medida que os negócios impedem uma brecha na programação.

Oswald Chambers sabiamente falou sobre o poder transformador de apenas cinco minutos na presença do Senhor. De fato, até um breve período investido em oração e leitura da Palavra de Deus tem grande valor: “O que nos molda não é aquilo no que mais investimos tempo, mas aquilo que exerce o maior poder sobre nós. Cinco minutos com Deus e Sua Palavra vale mais do que o restante do dia.” Pode parecer que Chambers tenha exagerado. Ainda assim, resultados poderosos podem surgir de um curto momento de oração, pois Deus é poderoso.

Às vezes, os nossos dias são repletos de compromissos que impedem os momentos de ouvirmos a Deus e respondê-lo. Mas, independente de onde estivermos, qualquer tempo separado para construir o nosso “altar” espiritual ao Senhor como Abraão fez (Gênesis 12:8) abre a porta para o Seu poder transformador. Se você estiver enfrentando problemas para separar um momento com Deus, pode começar com cinco minutos e ver até onde vai. O nosso Deus deseja nos encontrar e demonstrar o Seu poder em nossas vidas.


Converse com Deus; Ele deseja ouvir o seu coração.

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Oração é o que liga

(clique para ampliar)

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Mesmo sem entender - Thalles Roberto


Deus tinha outros planos

O coração do homem traça o seu caminho, mas o Senhor lhe dirige os passos. —Provérbios 16:9

Minha amiga Luísa cresceu planejando se tornar uma médica missionária. Ela amava o Senhor e queria servi-lo como médica, levando o evangelho aos doentes nas partes do mundo em que os cuidados médicos fossem inacessíveis. Mas Deus tinha outros planos. Luísa se tornou uma médica missionária, mas não da maneira como ela esperava.

Aos 14 anos, Luísa desenvolveu um problema crônico de saúde que a fez ser hospitalizada para uma grande cirurgia diversas vezes por ano. Ela sobreviveu à meningite bacteriana que a deixou em coma por duas semanas e cega por seis meses. Por duas vezes seguidas, ela comemorou o seu aniversário no hospital, sem ir para casa entre as duas datas. Ela teve muitas experiências quando não tinha expectativa de vida. Mas ainda assim, Luísa é a pessoa mais vibrante, agradecida e atenciosa que você jamais conhecerá. Certa vez, ela me disse que o seu campo missionário é o hospital, como ela tinha esperado e planejado. Mas em vez de servir ao Senhor como uma médica, ela o serve como paciente. Não importa o quão doente ela esteja, a luz do Senhor brilha por seu interior.

Luísa exemplifica o ensinamento do apóstolo Pedro. Apesar de suas provações, ela se alegra e a sua fé genuína traz “louvor, glória e honra” a Jesus Cristo (1 Pedro 1:6-7).


Escreva os seus planos à lápis e lembre-se que Deus tem a borracha. 

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Pequeno Grupo


Jovem, venha participar do nosso pequeno grupo que acontece toda terça feira sempre as 20 horas. Durante algumas horas conversamos, trocamos experiências, cantamos, rimos e claro, oramos. 

Nossos encontros acontecem na casa do Jé e da Aline. Caso você queira participar e não sabe qual é o endereço, deixe seu e-mail no espaço para comentários ou mesmo entre em contato pelas nossas redes sociais. 

TODOS estão convidados. 

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Meu Redentor Vive - Diante do Trono 13


Deus Presente

…toda a terra está cheia da sua glória. —Isaías 6:3
No lugar onde moro, sou privilegiado com demonstrações espetaculares da magnificente e criativa glória de Deus. Recentemente, ao dirigir pelo bosque, fiquei impressionado com uma exibição de tirar o fôlego; da riqueza dos vermelhos intensos e da variedade de amarelos que decoravam as árvores de outono — tudo artisticamente disposto contra um pano de fundo de um céu azul brilhante.

E em breve, à medida que as temperaturas despencarem e o inverno surgir, serei lembrado de que nenhum floco de neve é igual ao outro ao se amontoarem uns sobre os outros para criar uma paisagem ondulante de montes brancos intocados. Em seguida, o milagre da primavera chegará e quando o que parecia irremediavelmente morto reviverá com brotos e flores que vão agraciar os campos com suas múltiplas cores.

Por onde quer que olhemos no mundo à nossa volta, vemos evidências de que “…toda a terra está cheia da sua glória” (Isaías 6:3). O impressionante é que a criação à nossa volta foi corrompida pelo pecado (Romanos 8:18-22), ainda assim Deus achou por bem agraciar nossa paisagem decaída com estas pinceladas amorosas da Sua mão criativa. É um lembrete diário de que a beleza da Sua graça cobre o nosso pecado e de que o Seu amor pelo que é decaído está disponível a todos nós, sempre

Jamais desperdice uma oportunidade de apreciar a beleza da natureza; ela é a assinatura de Deus.

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Garanta sua vaga

(clique para ampliar)

Para mais informações clique aqui

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Centro da tua vontade - Nívea Soares


A vontade de Deus

O Senhor firma os passos do homem bom e no seu caminho se compraz. —Salmo 37:23

Nós, geralmente, estamos buscando a vontade de Deus; especialmente quando estamos numa situação difícil. Imaginamos: O que vai acontecer comigo agora? Devo ficar ou Deus me quer em outro lugar? A única maneira para ter certeza é fazer o que Ele lhe pede para fazer agora — o dever do momento presente — e esperar para que Deus revelo o próximo passo.

À medida que você obedecer ao que conhece, será fortalecido para dar o próximo passo e o próximo. Passo a passo, um de cada vez. É assim que aprendemos a caminhar com Deus.

Mas você diz: “Digamos que eu dê o primeiro passo. O que vai acontecer depois?”. É com o Senhor. A sua tarefa e a minha é obedecer hoje e deixar o futuro para Ele. O salmista disse que o “…Senhor firma os [nossos] passos…” (37:23). Tudo o que precisamos é da orientação para este dia. As instruções de amanhã em nada nos são úteis. George MacDonald disse: “Nós não compreendemos a página seguinte do livro de tarefas de Deus; vemos apenas a página diante de nós. Nem nos devem permitir virar a folha antes de aprendermos a lição.”

Se nos preocuparmos com a vontade de Deus e obedecermos todos os dias as orientações e alertas que Ele dá, se andarmos por fé e no caminho da obediência, descobriremos que o Senhor nos guiou neste dia. Como Jesus falou: “…o amanhã trará os seus cuidados…” (Mateus 6:34).


Abençoado é aquele que descobre o caminho que Deus está mostrando e o segue.

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Alimente-se

(clique para ampliar)

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Meu Deus, Meu Pai - Diante do Trono


Um pai para seguir

Antes, procurou ao Deus de seu pai e andou nos seus mandamentos e não segundo as obras de Israel. —2 Crônicas 17: 4

Quando penso em meu pai, me vem à mente esta frase: “Ele não me disse como viver; ele viveu, e me permitiu vê-lo.” Durante a minha juventude, vi meu pai caminhar com Deus. Ele participava de cultos, no domingo de manhã, ensinava uma classe de estudo bíblico para adultos, ajudava a contabilizar as ofertas e era diácono. Fora da igreja, defendia fielmente o evangelho e lia a sua Bíblia. Eu o vi expressar o seu amor ao Senhor por meio de ações visíveis.

Asa, o rei de Judá, durante um período de sua vida foi um exemplo de devoção ao Senhor (2 Crônicas 14:2). Ele removeu os ídolos do seu reino, restaurou o altar do Senhor e conduziu o povo a uma aliança com Deus (15:8-12). O filho de Asa, Josafá manteve esse legado ao buscar “…ao Deus de seu pai e andou nos seus mandamentos…” (17:4). Josafá limpou a terra da adoração aos ídolos (v.6) e enviou sacerdotes e levitas para ensinar a lei de Deus em todas as cidades de Judá (vv.7-9).

O reinado de Josafá foi semelhante ao de seu pai; ele, fielmente, honrou o piedoso exemplo de Asa. No entanto, ainda mais importante, o coração de Josafá “…tornou-se ousado […] em seguir os caminhos do Senhor…” (v.6). Se você estiver procurando hoje um pai para seguir, lembre-se do seu Pai celestial e deleite-se em Seus caminhos.


Honramos o nome de Deus quando o chamamos de nosso Pai e vivemos como o Seu Filho. 

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Indescribable - Chris Tomlin


Poder Benefício

…quanto ao Senhor, seus olhos passam por toda a terra, para mostrar-se forte para com aqueles cujo coração é […] dele… —2 Crônicas 16:9

O boxe e as competições de força masculina têm um aspecto exclusivo deles. Nestes eventos, os atletas competem individualmente para mostrar a sua força superior. É como uma queda de braço — você faz para provar que é a pessoa mais forte do lugar.

Um aspecto da glória de Deus é a sua onipotência. Mas como Ele mostra a Sua força? Ele não faz isso reorganizando as galáxias diante dos nossos olhos, mudando a cor do sol por capricho ou congelando um relâmpago como um troféu do Seu poder. Em vez disso, em Seu amor e compaixão a pessoas carentes como nós, Deus escolheu “…mostrar-se forte para com aqueles cujo coração é totalmente dele…” (2 Crônicas 16:9).

O padrão é o mesmo por toda a Escritura. Da divisão do Mar Vermelho, o milagre do maná no deserto ao milagroso nascimento virginal e finalmente o poder da ressurreição, nosso Deus Todo-Poderoso escolheu demonstrar a Sua força para abençoar, preservar e proteger o Seu povo.

Tenha a certeza de Ele se alegra em mostrar-se forte nos desafios da nossa vida. E quando Ele provar o Seu poder em nosso favor, lembremo-nos de glorificá-lo!


Todas as promessas de Deus sustentam-se em Sua sabedoria, amor e poder.

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Nascer de novo

(clique para ampliar)

Missões Nacionais

(clique para ampliar)

Pense Nisso

(clique para ampliar)

"Ele tem de ficar cada vez mais importante e eu menos importante"

Temos que ser um - Fernandinho


O amor é tudo

E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. Deus é amor… —1 João 4:16

Vi um letreiro na frente de uma igreja que me pareceu um bom lema para relacionamentos: Receba amor. Dê amor. Repita.

O maior amor que recebemos é o amor de Deus. Ele nos amou tanto que deu o Seu Filho Jesus para viver, morrer e ressuscitar para nos redimir (1 João 4:9). Nós recebemos o Seu amor ao recebermos Jesus como o nosso Salvador e Senhor. “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que creem no seu nome” (João 1:12).

Após experimentarmos o amor de Deus, podemos então aprender a dar amor. “Amados, amemo-nos uns aos outros, porque o amor procede de Deus…” (1 João 4:7).

O amor de Deus nos capacita a amar nossos irmãos e irmãs em Cristo. Ensinamos, encorajamos e repreendemos. Choramos e nos alegramos. O amor que damos é gentil, atencioso e solidário. Aprendemos com Jesus que devemos amar até mesmo os nossos inimigos: “…amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem” (Mateus 5:44). Amar aos outros, em algumas situações, pode ser desafiador, mas é possível pelo amor que Deus nos deu antes.

Um bom plano para as nossas vidas hoje: Receba amor. Dê amor. Repita.

Receba amor. Dê amor. Repita.

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Pequeno Grupo

(clique para ampliar)

Jovem, venha participar do nosso pequeno grupo que acontece toda terça feira sempre as 20 horas. Durante algumas horas conversamos, trocamos experiências, cantamos, rimos e claro, oramos. 

Nossos encontros acontecem na casa do Jé e da Aline. Caso você queira participar e não sabe qual é o endereço, deixe seu e-mail no espaço para comentários ou mesmo entre em contato pelas nossas redes sociais. 

TODOS estão convidados. 

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Victorious - Gateway Worship


O poder do reconhecimento


Sempre dou graças a [meu] Deus a vosso respeito, a propósito da sua graça, que vos foi dada em Cristo Jesus. —1 Coríntios 1:4

Em um estudo recente, 200 mil funcionários foram entrevistados para descobrir o ingrediente que falta em sua produtividade. Concluiu-se que a valorização e o reconhecimento eram os primeiros itens da lista do que eles queriam de seus superiores. Esta pesquisa indica que obter reconhecimento é uma necessidade humana básica.

O apóstolo Paulo parecia perceber esta necessidade nos cristãos de Corinto, por isso, antes de enchê-los com palavras de disciplina, os cobriu de reconhecimento. Como o seu líder espiritual, Paulo iniciou a sua carta com agradecimentos a Deus pela graça despendida na vida deles.

Antes distantes de Deus, estes cristãos eram agora participantes em Sua graça por meio da morte e ressurreição de Cristo. Unidos em Jesus, eles estavam recebendo dele as suas vidas espirituais e o fruto desta união era o crescimento espiritual em santidade (1 Coríntios 1:4-7). Paulo, deliberada e continuamente, agradeceu ao Senhor pela obra na vida dos cristãos coríntios. Acredito que eles estavam mais aptos a suportar as duras críticas de Paulo por causa do seu afetuoso reconhecimento.


Ao vermos pessoas que estejam obedecendo a Deus, dediquemos um momento para reafirmá-las e para agradecer a Deus pelo que Ele tem feito por intermédio delas.

Elogie em voz alta, corrija com palavras gentis.

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Acamp's

(clique para ampliar)

Garanta já sua vaga. Para mais informações clique aqui

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Guia-me - Daniela Araújo

Durante toda esta hora

Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação, em quem eu espero todo o dia. —Salmo 25:5

Muitos conhecem o majestoso carrilhão do Grande Relógio de Westminster, de Londres, conhecido como Big Ben. Na verdade, alguns de nós podemos ter relógios em casa que soem a mesma badalada a cada hora. De acordo com o pensamento tradicional, a melodia foi tirada do oratório Messias de Händel. E as palavras inscritas na sala do relógio Big Ben têm um significado transcendente:
Durante toda esta hora,
Guia-me, Senhor;
E que por Teu poder,
Nenhum passo se desvie.
Estas palavras são um bom lembrete da nossa constante necessidade pela orientação de Deus. O rei Davi reconheceu que precisava ser orientado ao longo do dia à medida que enfrentava os desafios da vida. No Salmo 25, ele diz: “Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação, em quem eu espero todo o dia” (v.5). Desejando ser um seguidor aprendiz de Deus, Davi olhou para o seu Redentor em busca de direção. O desejo de seu coração era depender confiadamente no Senhor durante o dia todo.

Que este seja o nosso desejo também. Geralmente começamos o dia pedindo a ajuda de Deus, mas então as distrações concorrentes podem desviar a nossa atenção dele. Senhor, lembre-nos de orar: Durante toda esta hora, guia-me, Senhor.


Que Jesus seja o seu primeiro pensamento pela manhã e o último pensamento à noite.

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Pense Nisso

(clique para ampliar)

Programe-se

(clique para ampliar)

Abraça - Me - David Quinlan


Querendo crescer


…desejai […] o genuíno leite espiritual, para que, por ele, vos seja dado crescimento… —1 Pedro 2:2

O documentário Babies (Bebês), de 2010, seguiu quatro crianças que nasceram em circunstâncias bem diferentes na Mongólia, Namíbia, Japão e EUA. Não há narração ou diálogos entre adultos no filme, apenas os sons que os bebês fazem à medida que descobrem o mundo no qual nasceram. Quando estão felizes, balbuciam e riem, quando estão tristes ou com fome, choram. E todos eles gostam de leite! O encanto do filme está em vê-los crescer.

Como um bebê suspira por leite, os seguidores de Cristo devem suspirar pelo “…genuíno leite espiritual…” que gera o crescimento espiritual. O apóstolo Pedro diz: “…desejai ardentemente, como crianças recém-nascidas, o genuíno leite espiritual, para que, por ele, vos seja dado crescimento…” (1 Pedro 2:2). Pedro escreveu para encorajar um grupo de seguidores de Cristo disperso pela perseguição. Ele insistiu para que deixassem de lado os sentimentos de raiva e inveja uns contra os outros e o falar de uma maneira, mas viver de outra (v.1) e para que desejassem o leite genuíno “…como crianças recém-nascidas…” (v.2).

O Senhor nos convida a beber tudo o precisarmos de Sua provisão generosa. Ele ama ver Seus filhos crescerem!


Quanto mais nos aprofundamos na Palavra de Deus, mais crescemos. 

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Pense Nisso

(clique para ampliar)

"Quem ama o dinheiro nunca ficará satisfeito; quem tem a ambição de ficar rico nunca terá tudo o que quer. Isso também é ilusão." 

Senhor do Tempo - Paulo César Baruk


Quase satisfeito?

…Contentai-vos com as coisas que tendes; porque ele tem dito: De maneira alguma te deixarei… —Hebreus 13:5

Ao entrar no estacionamento do restaurante, muito depois do horário de almoço, vi uma caminhonete acelerando entre os veículos estacionados. Enquanto eu observava o comportamento imprudente do motorista, reparei as palavras na placa dianteira. Eu li: “Quase satisfeito.” Após refletir sobre a frase e a mensagem que ela quis passar, conclui que o conceito “quase satisfeito” não existe. Ou estamos satisfeitos, ou não.

Reconhecidamente, o contentamento é um tema delicado. Vivemos num mundo que alimenta o nosso desejo por mais e mais — até acharmos quase impossível nos satisfazermos com qualquer coisa. Mas isto não é novidade. O livro de Hebreus aborda esta questão, dizendo: “Seja a vossa vida sem avareza. Contentai-vos com as coisas que tendes; porque ele tem dito: De maneira alguma te deixarei, nunca jamais te abandonarei” (13:5). A única solução para os corações que “querem tudo” é o contentamento encontrado na presença do Deus vivo. Ele é suficiente para as nossas necessidades e anseios, e somente Ele pode nos trazer a paz e o contentamento que jamais encontraremos nas buscas desta vida.

Quase satisfeito? Isso não existe. Em Cristo, podemos conhecer o verdadeiro contentamento.


O contentamento não é ter o que se quer, mas estar satisfeito com o que se tem.