quarta-feira, 20 de agosto de 2008

MISSÃO CUMPRIDA?!



por Jéferson Nunes

"- Corre, corre vem ver quanta gente chegou!"

Este foi o anuncio de nossa chegada àquele abrigo de crianças. O brilho nos olhos daquelas crianças ofuscou a luz do sol naquela manhã. Corriam em nossa direção como se presenciasse os seus desejos infantis serem realizados. Pulavam em nossos braços, abraçavam, beijavam, sorriam. A alegria em cada face era indescritível. Os mais tímidos ou impossibilitados de se locomover pareciam não acreditar no que estavam vendo. Foi uma manhã de festa. Cantamos, brincamos, falamos sério, sempre seguidos por dezenas de olhinhos admirados que pareciam pedir insistentemente alguns momento de carinho e atenção.

Antes da despedida distribuímos roupas, tênis, mantimentos conforme a necessidade informada previamente. Apesar da gratidão pelos presentes, quando notaram que era hora de voltarmos para nossos lares,os presentes tornaram-se insignificantes, a sensação era de que uma nuvem escura cobriu o céu. Algumas crianças seguravam com todas as forças os visitantes e só soltaram a custo de muitas lágrimas.

Que a sensação de impotência em conter as lágrimas dos desfavorecidos, não nos cause aversão à missão proposta, mas que nos anime a repetirmos o feito a fim de promovemos alegria, mesmo que momentânea através de nossas presença, atenção às necessidades matérias, físicas e emocionais e eternas aoministrarmos a palavra de DEUS.

"A religião pura e imaculada para com DEUS, o Pai, é esta: visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações e guardar-se da corrupção do mundo”. (Tg 1.27).

Um comentário:

Regiane disse...

Realmente essas crianças precisam de amor e carinho e vcs estao mais uma vez de PARABÉNS... voltem sim e façam sempre essa distribuição do amor de Deus aqueles que necessitam.
Bjusss